Darwin e Deus

Um blog sobre teoria da evolução, ciência, religião e a terra de ninguém entre elas

 -

Blog aborda os mais recentes estudos sobre a evolução do homem e dos demais seres vivos, explica o que a ciência tem a dizer sobre o fenômeno da fé e a história das religiões. É produzido pelo jornalista Reinaldo José Lopes.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Terror nos céus, o trailer

Por Reinaldo José Lopes

Está difícil de tirar os pterossauros da cabeça nesta semana, depois da bela descoberta da equipe do Museu Nacional da UFRJ anunciada na quarta: o terceiro maior réptil voador do mundo, com envergadura das asas da ordem de 8,5 metros e 110 milhões de anos de idade, é do Brasil-sil-sil e vivia na chapada do Araripe, no Ceará, a meca dos fósseis do Mesozoico do nosso país. Olha o bicho aí embaixo:

Pterossauros do Araripe ganham vida por obra e graça do paleoartista Maurilio S. Oliveira

Na imagem vemos, em primeiro plano, uma dupla da espécie gigante, o Tropeognathus mesembrinus, disputando um peixe, enquanto outro pterossauro aparentado mas bem menor, do gênero Anhanguera, fica de olho para ver se tem chances de se dar bem com a briga alheia e abocanhar o sushi. No alto, ao fundo, outro réptil voador, desta vez do gênero Thalassodromeus, mais distantemente aparentado aos bichos de 8,5 metros.

Estou chamando este post de trailer porque 1)queria compartilhar logo a linda reconstrução artística com vocês — ela recebeu pouco destaque na imprensa, inclusive nesta Folha; 2)ainda estou digerindo a literatura científica que tenta explicar como, afinal, um bicho desse tamanho conseguia levantar voo. Aguardem as cenas dos próximos capítulos.

Blogs da Folha