Batráquios para todos os gostos

Por Reinaldo José Lopes

Chegou às minhas mãos no fim da semana passada um trabalho absolutamente primoroso. Falo do livro “Guia dos Anfíbios da Mata Atlântica: Diversidade e Biologia”, escrito por um timaço de biólogos (Célio Haddad, Luís Felipe Toledo, Cynthia Prado, Daniel Loebmann, João Luiz Gasparini e Ivan Sazima), alguns dos quais eu já tive a honra de entrevistar. Esse grupo se dispôs a realizar a tarefa hercúlea de disponibilizar informações e imagens de 459 espécies de anfíbios da mata atlântica, o que dá 85% da diversidade de espécies do grupo nesse bioma.

Diversidade de anfíbios da mata atlântica. Crédito: Reprodução
Diversidade de anfíbios da mata atlântica. Crédito: Reprodução

O resultado é de encher os olhos. Além de lindo, o tijolaço produzido pelos biólogos traz todo tipo de informação interessante sobre reprodução (sabia que tem anfíbio que incuba os ovos na boca?), predação (sabia que barata d’água come perereca?), desenvolvimento (sabia que tem girino que vive em filetes d’água que escorrem de costões rochosos?) e por aí vai.

Sem falar, é claro, na variedade de cores e formas desse grupo de animais, que são de deixar qualquer um de queixo caído. E num utilíssimo sistema de ícones para indicar características básicas de cada espécie com uma rápida olhada. Não vá para o mato sem ele.

Quem estiver interessado em comprar o livro pode visitar o site da editora Anolis Books.