Arquivo - Categoria: Biodiversidade

A treta do Guia Politicamente Incorreto

Como vocês talvez tenham visto, estreou no final de semana que passou, no canal History, a série de TV “Guia Politicamente Incorreto”, baseado no livro homônimo do jornalista Leandro Narloch sobre história do Brasil. Fui entrevistado pela produção da série, apareci bastante no primeiro episódio – mas não gostei do resultado. Explico o porquê no(…)

O lado bom do fogo no cerrado

Nunca tinha ouvido falar da chamada regra 30/30/30 antes de entrevistar a pesquisadora Giselda Durigan, do Instituto Florestal do Estado, sobre a importância do fogo como mantenedor da biodiversidade no cerrado (você pode ler sobre a pesquisa da Giselda neste link). Em suma, ela e seus colegas defendem que não seria nenhum absurdo queimar ativamente(…)

1499: O Brasil antes de Cabral

Tem mais livro deste escriba chegando na praça: “1499: O Brasil Antes de Cabral”, já está disponível em formato ebook, e a versão impressa aporta nas livrarias de todo o país dia 4 de agosto. No canal do blog no YouTube, acabo de publicar um videozinho sobre os pontos principais da obra. Confira abaixo. Além(…)

Naturalização do mal

Gostaria de convidar o gentil leitor a ouvir a palavra de um cientista sobre um tema importante e negligenciado. O biólogo Valter Azevedo-Santos me escreveu para contar que um projeto de lei estapafúrdio sobre o qual já escrevemos aqui na Folha acabou chegando ao Senado. O plano é permitir a criação de peixes não nativos(…)

A incrível jornada da dourada

O peixe de água doce que faz a migração mais épica de todos os tempos éééé do Brasil-sil-sil, senhoras e senhores – ou, pelo menos, é da Amazônia. Uma salva de palmas para a dourada (Brachyplatystoma rousseauxii), bicho que percorre uma distância que chega a ser o dobro da extensão territorial inteirinha dos Estados Unidos(…)

Encruzilhada primata

Acabamos de falar dos macacos vitimados pela febre amarela e pela ignorância humana. E, de fato, a situação das criaturas que são os parentes mais próximos da humanidade na Árvore da Vida não é nada confortável, como contei em reportagem recente nesta Folha. Nada menos que 60% dos primatas deste planeta hoje corre risco de desaparecer.(…)

Uma ameba chamada Gandalf

Novas espécies batizadas com nomes que homenageiam personagens de “O Senhor dos Anéis” já viraram meio carne de vaca – já vi sapo, aranha, mamífero fóssil, o diabo a quatro. Mas quase nunca as criaturas em questão possuem alguma semelhança com o personagem homenageado, o que significa que sim, minha gente, a ameba-Gandalf é sensacional.(…)

Primatas em risco

É com prazer que trago para o insigne leitor mais uma reportagem na íntegra – desta vez, sobre a situação nada animadora dos primatas no planeta, detalhando as ameaças que nossos primos mais próximos no reino animal estão sofrendo. A coisa tá feia, mas ainda não é o caso de jogar a toalha, muito pelo(…)