O Guia dos Apócrifos: os misteriosos evangelhos judaicos (em grego)

Tentei começar devagar os nossos vídeos sobre textos apócrifos, os proscritos da Bíblia. Falo aqui dos poucos fragmentos de evangelhos “judaicos” — aparentemente, de grupos de judeus que se declaravam cristãos, apesar de não crer na divindade plena de Jesus. É um bom jeito de mostrar como os dados a respeito são fragmentados e incompletos. […]

Leia Mais

Começa aqui o guia dos apócrifos, os proscritos da Bíblia!

Existe muito boato e muita bobagem circulando por aí a respeito dos apócrifos, os livros “ocultos” e “proscritos” que não entraram na Bíblia canônica ou oficial. Começa aqui uma série pra ajudar você a mergulhar nessa literatura fascinante, com foco nos apócrifos cristãos. Confira o primeiro episódio no vídeo abaixo. ————– Conheça o canal do […]

Leia Mais

Ceticismo dentro da Bíblia? Sim, isso existe!

Reinaldinho, será que você bebeu ao falar que existe ceticismo na Bíblia? Não, gentil público, não abusei do álcool (aliás, nem bebo). O propósito desta série de vídeos, cuja introdução está aqui embaixo, é mostrar que, dentro da grande variedade de textos bíblicos no Antigo Testamento ou Tanakh (como dizem os judeus), existem alguns livros […]

Leia Mais

O Novo Testamento sob a perspectiva de especialistas judeus

Sou um grande fã da especialista americana Amy-Jill Levine, da Universidade Vanderbilt, uma estudiosa judia da vida e obra de Jesus de Nazaré e das primeiras comunidades cristãs. Por isso, depois de muito namorar o livro (estava caro!), não resisti e acabei adquirindo “The Jewish Annotated New Testament” (“O Novo Testamento com anotações judaicas”), obra […]

Leia Mais

Frederico Lourenço e sua tarefa hercúlea de traduzir a Bíblia grega

Os leitores deste blog talvez se lembrem do que já escrevi sobre a tarefa hercúlea do helenista português Frederico Lourenço: traduzir toda a Septuaginta, ou Bíblia grega, para o nosso idioma da forma mais próxima possível do original. Entrevistei-o recentemente sobre a segunda parte dessa obra magna, volume que reúne todos os textos do Novo […]

Leia Mais

Como surgiu o monoteísmo israelita? Eu explico em palestra

Como os antigos israelitas se tornaram monoteístas, adorando a um único Deus? De maneira lenta, segura e gradual, resumindo. É o que explico na palestra deste vídeo no nosso canal do YouTube, que ministrei há algumas semanas na Igreja Presbiteriana do Butantã, em São Paulo, durante o evento Sexta Filosófica, a convite do meu amigo […]

Leia Mais

Resenha histórica do novo filme “Maria Madalena”, sem spoilers

E aí, vale a pena assistir ao novo filme “Maria Madalena”? Nesta pequena resenha praticamente sem spoilers, aponto alguns detalhes históricos ou ligados aos textos cristãos primitivos que foram bem abordados pela narrativa cinematográfica. Bônus: explico resumidamente por que não é absurdo presumir que Jesus foi mesmo celibatário. Confira o vídeo. Eis os principais pontos […]

Leia Mais

O veredicto final dos historiadores sobre a figura de Jesus

Depois de meses de atraso e vídeos aparentemente intermináveis, estamos concluindo a nossa série sobre a existência histórica de Jesus. O veredicto: um punhado de detalhes-chave dos Evangelhos e de outras fontes — origem judaica em Nazaré da Galileia, batismo no rio Jordão e crucificação — só fazem sentido se forem históricos. Desculpaí, mas Jesus […]

Leia Mais

Prós e contras sobre a existência histórica do Êxodo

Está saindo na edição de hoje desta Folha uma reportagem deste escriba sobre o livro “The Exodus”, mais recente obra do americano Richard Elliott Friedman, um dos maiores estudiosos das origens do Antigo Testamento na ativa hoje. Contrariando o que diz a maioria dos arqueólogos e dos historiadores, Friedman defende que há um considerável núcleo histórico […]

Leia Mais

As águias de João

Nada como ler um clássico, não é mesmo? Finalmente consegui começar a leitura de “A Comunidade do Discípulo Amado”, livro do padre americano Raymond Edward Brown (1928-1998), um dos mais importantes estudiosos do Evangelho de João no século que passou. O véio escrevia bem, minha gente. Vejam a elegância deste paragrafinho na introdução do livro. […]

Leia Mais